sábado, 10 de julho de 2010

Palavreado

Tantos dias longe, já não sei mais como escrever...rs
Bom aqui estamos!
As coisas acontecem misteriosamente, pessoas aparecem, outras desaparecem e assim vamos nos encontrando no mundo, no mundo inteiramente feminino, às vezes nem tão feminino assim...
Que bom que a vida é assim, mas porque é assim?
Assim sabe, dias de sol, dias de chuva, noites quentes, noites frias. A gente complica e explica tanta coisa na vida, mas pra onde é mesmo que estamos indo? Não sei, às vezes sei, talvez sei...
Aí quando aparece alguém os olhos brilham e a vida ganha cor, depois perde a cor, continua sem cor ou perdemos a imagem totalmente.
Desejo uma vida perfeita, mas que perfeição é essa? Será que é isso, será que é assim? 
Não sei porque estou escrevendo isso aqui na casa, logo nessa casa colorida. Afinal, cor significa mesmo alegria?  


Um comentário:

ReLiCáRiO disse...

Risos!

Primeiro,
Permita-me entrar em sua casa, sentar-me ao sofá e tomar um café...!
A vontade e, refestelada às almofadas da vida, venho comungar de tão bem articuladas ideias.
Pois que eh assim a vida, um colorir e descolorir de sentimentos; num piscar de olhos ou respingar de lágrimas.
A roda gigande da vida nos leva e eleva... nos move e demove.
Mas, quem sabe um dia possamos exergar em tudo isso a utópica perfeição!?

Otimo texto, o seu!